Evolução dos cartórios após a 1ª participação no PQTA é nítida, aponta auditor da Apcer

Especialista em Gestão da Qualidade, e auditor do PQTA desde 2012, aponta os benefícios  para o desenvolvimento cartorário após inscrição no Prêmio

Notários e registradores de todas as regiões do país já compartilharam a mudança, quase imediata, na prestação de serviços da serventia após a primeira participação no Prêmio Qualidade Total Anoreg (PQTA). A visão dos especialistas em Gestão da Qualidade segue o mesmo caminho. Alberto Takashi Abukawa, auditor da Apcer Brasil, explica que audita cartórios desde 2012 e a evolução de cada unidade é nítida.

“Desde o primeiro ano em que participei, percebi as evoluções dos cartórios. Em 2020, um acontecimento mundial mudou bastante o contexto de como os prêmios e auditorias têm acontecido, como o início da auditoria a distância. Apesar de ser um evento extraordinário, ele mostra como nós conseguimos adaptar os processos de acordo com o momento atual”, afirma.

Satisfação dos usuários

Com a primeira participação em 2019, e já inscrito na edição deste ano, a serventia do oficial titular Pedro Henrique Silva Amaral, o cartório de Registro de Imóveis e Hipotecas, Títulos e Documentos de Ruy Barbosa (BA), está inserido na categoria de pequenos cartórios e notou rápido retorno na melhoria de processos internos e externos após o Prêmio. Para ele, a classificação até cinco funcionários é apenas mais um estímulo, que visa demostrar os serviços prestados na sua unidade.

“Não se intimidem com o fato de terem poucos funcionários: a auditoria analisa outros critérios e a maioria é voltado para a gestão adotada na serventia – o que de bom a sua serventia tem para oferecer aos usuários. Às vezes, são coisas bobas que a gente esquece de adotar na serventia e, com o tempo, acaba não implementando. O PQTA vem para nos alertar em relação ao que há de melhor na gestão cartorária para repercutir, de forma positiva, para a sociedade em que você está inserido”, destaca Amaral.

Nesse sentido, Abukawa ressalta que a auditoria, mesmo remota, é um espelho da gestão praticada no cartório. Com isso, a oportunidade de participação no Prêmio estabelece as possibilidades a serem seguidas por cada unidade, visando a satisfação dos usuários e colaboradores. “Convido a todos a participarem do PQTA para terem os benefícios de uma gestão mais consolidada e, principalmente, perceber como podem ganhar os seus usuários, colaboradores e os próprios líderes da serventia”, conclui.

As inscrições do PQTA 2020 estão abertas até o dia 31 de julho. Inscreva-se no site oficial da premiação.

Fonte: Assessoria de Comunicação – Anoreg/BR