Projeto que ajuda famílias vulneráveis ganha o Prêmio Rares (Cartórios)

Em 2019, o 1º Ofício de Registro de Imóveis ajudou três organizações sociais em Fortaleza (CE)

O Projeto Cartório Cidadão, do 1º Ofício de Registro de Imóveis de Fortaleza (CE), foi o vencedor do Prêmio Rares 2019, na categoria Cartórios. No ano passado, a ação social beneficiou três instituições de caridade e diversas famílias carentes.

“Vencer o Prêmio Rares mostra aos demais que é possível fazer sua parte e ajudar o próximo. Mostra que temos um papel relevante no interesse social em relação a várias questões, como educação, saúde e meio ambiente. Com pequenas ações podemos mobilizar pessoas e empresas em prol de uma causa. Com ações voluntárias, as pessoas se aproximam e o ambiente de trabalho melhora”, alegou a escrevente do cartório vencedor, Ana Lucia Pinto.

A ação social da serventia arrecadou mais de 72kg de leite com a ajuda de pessoas internas e externas ao cartório. No Instituto da Primeira Infância (IPREDE), Instituição que promove a nutrição e o desenvolvimento de crianças, além das unidades de leite, colaboradoras da própria serventia ministraram uma palestra sobre as atividades registrais imobiliárias e as práticas adotadas em prol da saúde socioambiental.

“Uma das colaboradoras realizou contato com o IPREDE e apresentou a proposta para realização de uma palestra junto às mães e pais das crianças atendidas pela Instituição. O objetivo da realização do evento foi proporcionar conhecimento sobre as atividades cartorárias, da importância de registrar um imóvel no nome do proprietário, esclarecer dúvidas sobre usucapião, dentre outras”, explicou Pinto.

Após o encontro, foram divulgadas vagas de emprego disponíveis na serventia. Assim, as mães e pais presentes enviaram os currículos para análise e candidatura a essas oportunidades. “Esta prática tem como objetivo a inclusão no mercado de trabalho das mães e pais que estão com seus filhos em situação de risco ou em processo de recuperação da desnutrição infantil”, completou.

Outra ação realizada foi a Gincana Dia das Crianças, na Associação dos Missionários da Solidariedade (Lar Amigos de Jesus). O cartório realizou e arrecadou mais de 26 mil itens, incluindo roupas, calçados e brinquedos. Na última Instituição beneficiada, a Associação Peter Pan, a serventia apoiou a ação do McDia Feliz com a compra de 70 sanduíches da rede de fast food.

“Os colaboradores, com a responsabilidade socioambiental intrínseca entre os valores do cartório e internalizados por eles, após adquirirem os tickets, transformaram em MacLanches Felizes e doaram para moradores de rua. Esta ação foi pensada e realizada diretamente pelos colaboradores de um setor da serventia que desejavam fazer ainda mais nesse dia. Todos os que aderiram a ideia doaram os tickets para esta ação e beneficiaram pessoas em condições de vulnerabilidade social”, declarou a escrevente.

Em 2020, o cartório quer realizar parcerias com instituições de ensino para que as mães que entregaram os currículos na palestra do IPREDE possam concluir o ensino médio. Segundo a serventia, essas mães terão prioridade nos processos seletivos internos do Ofício.

Fonte: Assessoria de imprensa – Anoreg/BR